Políticas Públicas comparadas para a retomada pós Covid-19

Chamada para artigos para o Número 26, 2021/2

Tema: Políticas Públicas comparadas para a retomada pós Covid-19

Período de submissão de artigos: 1° de março de 2021 até 30 de abril de 2021

Lançamento: agosto/2021

A Covid-19 em pouco tempo se tornou uma pandemia global. Os primeiros casos e desdobramentos da doença foram observados no final de janeiro e início de fevereiro de 2020 na China e em alguns países da Europa, logo se espalhando para todo o mundo, com mais intensidade nas Américas.

Neste período, os demais países tiveram tempo para monitorar o surgimento e tratamento dos casos e se prepararem para quando a Covid-19 chegasse naqueles. Em março de 2020, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou pandemia, confirmando que o coronavírus é um desafio global que não apenas requer respostas individuais por parte dos países, mas ações conjuntas em nível regional e global.

A pandemia da Covid-19 se apresentou como um desafio às organizações regionais de todo o mundo e à capacidade das mesmas de apresentarem soluções e coordenar ações conjuntas. No caso da União Europeia, destaca-se como um exemplo bem sucedido a aprovação, por parte do Conselho Europeu, do “Roteiro para a Recuperação”, do orçamento de longo prazo (2021-2027) e o plano de recuperação no valor de 1,8 trilhão de euro.

Neste início de 2021, após um ano da declaração da pandemia, ainda não há projeção sobre a vacinação em massa e persistem as dúvidas em relação à mutação e surgimento de novas cepas do vírus.

Esta é uma crise sem precedentes e de proporções globais, cujos efeitos são múltiplos: na saúde pública, educação, relações trabalhistas, atividade econômica, vulnerabilidade social, entre outros.

Ainda em 2020, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) apresentou o plano “Brasil Pós Covid-19 - Contribuição do IPEA”, em que desenvolveu projeções e simulações indicativas para os caminhos da recuperação, com ênfase especial nas trajetórias de mais longo prazo, além de elaborar cenários de caráter conjuntural de curto prazo.

Praticamente todos os países do mundo fecharam o ano de 2020 com retração da atividade econômica e maior desemprego. Vários deles não conseguiram normalizar a vida social e econômica, mas há diferentes experiências que indicam êxitos e erros que merecem uma avaliação aprofundada.

Há várias iniciativas de políticas públicas para amenizar os efeitos da pandemia no período pós Covid-19, em nível local, nacional, regional e global. Com o objetivo de fomentar o debate para a superação desta profunda crise global, convidamos os autores a apresentarem artigos sobre políticas públicas comparadas para a retomada pós Covid-19.

Os desafios da retomada pós Covid-19 é o tema do número 26 da revista Tempo do Mundo. Esse número será coordenado por Marc Lavoie, professor emérito da Universidade de Ottawa, e Claudio Amitrano, pesquisador do Ipea.