Propensão à Automação das Tarefas Ocupacionais no Brasil

Propensão à Automação das Tarefas Ocupacionais no Brasil

Este artigo expõe o difícil debate sobre a automação e a extinção de postos de trabalho no futuro próximo. Utilizando uma metodologia inovadora, a pesquisa ordenou as ocupações do mercado de trabalho brasileiro no que concerne ao potencial de automação, além de quantificar e classificar os empregos formais no Brasil em termos de risco de automação. O artigo também reconstruiu a evolução histórica da composição do emprego formal entre 2003 e 2017, segundo quartis de potencial de automação da ocupação, vislumbrando identificar o risco geral de automação no mercado de trabalho formal do país.

Palavras-chave: automação; emprego; tarefas ocupacionais; machine learning; tecnologias.

   
icon pdf Acesse o artigo completo em PDF