Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada

Administração Pública. Governo. Estado

Dimensão socioeconômica da saúde no estado de São Paulo

Milian, Guilherme Amelio;


Administração Pública. Governo. Estado: Artigos.

Publicado em: Dez-2019


Dimensão socioeconômica da saúde no estado de São Paulo

Este trabalho tem por objetivo geral investigar os fatores de influência dos status de saúde no grupo de 645 municípios do estado de São Paulo. Nesse contexto, foram desenvolvidas duas medidas amplas de saúde, com variáveis independentes que abarcam três eixos fundamentais: saúde, saneamento e condições socioeconômicas, além de duas dummies. As variáveis respostas usadas nos modelos foram taxa de mortalidade infantil (TMI) e esperança de vida. Adotou-se como metodologia o modelo de regressão exponencial múltipla (log-log), com dados do tipo cross-section. Escolheu-se como ano 2010, e usaram-se como fontes o Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil de 2013,2 a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados Estatísticos (Seade) e o Ministério da Saúde (MS). Embasado nas regressões, é possível afirmar que três coeficientes se apresentaram com suporte estatístico nos dois modelos, são estes: médicos por 1 mil habitantes; renda per capita; e taxa de analfabetismo, além da dummy município com índice de desenvolvimento humano municipal (IDHM) médio/baixo, que consiste em fator de piora para os status.

MAIS DETALHES * Abrirá no Repositório do Conhecimento do Ipea, em nova página.

Arquivos

Arquivo Descrição Formato Tamanho Acesso
PPP53_DimSocio.pdf Adobe PDF 298.52 KB visualizar



Reportar Erro
Escreva detalhadamente o caminho percorrido até o erro ou a justificativa do conteúdo estar em desacordo com o que deveria. O que deveria ter sido apresentado na página? A sua ajuda será importante para nós, obrigado!

Form by ChronoForms - ChronoEngine.com