Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr SoundCloud
17/09/2021 12:00
td-banner

TD 2697 - Indicadores de Concorrência, Estrutura de Mercado e Globalização: Discussão Conceitual e Testes Empíricos com Dados Norte-Americanos

Glauco Avelino Sampaio Oliveira /Brasília, setembro de 2021    

 

Este trabalho discute a adoção de indicadores de concorrência, construídos por meio de dados de setores industriais norte-americanos, e sua aplicação na discussão de políticas públicas, em especial na política de concorrência e, em menor escala, na política de comércio exterior. A premissa é de que a estrutura da competição doméstica, manifestada em índices de concentração, como o CR4 e o HHI, afeta a margem de lucro dos setores econômicos, refletindo no markup, ou seja, os preços em excesso aos custos (MPC), a variável dependente. A maior concentração levaria a maiores lucros. Outros indicadores teriam a capacidade de afetar negativamente a margem de lucro doméstica, entre os quais se destaca a penetração das importações e o nível de investimento. O estudo propõe um exercício empírico preliminar com dados norte-americanos, baseado na literatura recente sobre aumento dos lucros, da concentração setorial e dos processos de globalização (investimento, comércio exterior) na economia contemporânea. Os resultados indicam algumas regularidades empíricas, guardadas algumas limitações metodológicas, como o uso de instrumentos fracos. O objetivo fundamental do estudo é indicar possíveis metodologias e discussões para replicação no caso brasileiro.

Palavras-chave: indicadores de concorrência; estrutura de mercado; defesa da concorrência; testes empíricos; concorrência com importações; investimentos.

The paper discusses the use of indicators, constructed with data from North American industrial sectors, and their application in the discussion of public policies, especially in competition policy, and to a lesser extent, in foreign trade policy. The premise is that the structure of domestic competition, manifested in concentration indices such as CR4 and HHI, affects the profit margin of economic sectors, reflecting in the markup, for example, prices in excess to costs (PCM), the variable to be explained. The higher concentration would lead to higher profits. Other indicators would have the ability to negatively affect the domestic profit margin, among which stands out the penetration of imports and the level of investment. The paper proposes a preliminary empirical exercise, based on recent literature that has been evaluating the increase in profits, sectoral concentration and globalization processes (investment, foreign trade) in the contemporary economy. The results lead to some empirical regularities, with some methodological limitations, such as the use of weak instruments. The fundamental objective is to indicate possible methodologies and discussions for replication in the Brazilian case.

Keywords: competition indicators; market structure; competition policy; empirical tests; import

 

  acesseAcesse o sumário executivoacesseAcesse o documento(175 KB)

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente – Assessoria de Imprensa e Comunicação