Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
noticias
02/01/2020 10:00

Fronteiras do arco central do Brasil são tema de livro do Ipea


Estudo avalia cenário socioeconômico nos estados de Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) lançou nesta quinta-feira, 2, o livro Fronteiras do Brasil: uma Avaliação do Arco Central. O estudo é fruto de uma parceria com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e teve como propósito analisar as principais problemáticas identificadas na região fronteiriça do arco central do país – que compreende os estados de Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. As conclusões apontam que o tráfico de armas, pessoas e entorpecentes ainda representam os maiores desafios na formulação e implementação de políticas públicas para o desenvolvimento socioeconômico regional.

A publicação está dividida em doze capítulos e também é resultado de uma oficina de trabalho realizada em junho de 2017, em Corumbá (MS). O evento teve como objetivo levantar questões, hipóteses e realizar um trabalho de campo sobre a realidade local da fronteira do Centro-Oeste, com o objetivo de contribuir para a melhoria das políticas públicas. A atividade contou com a participação de representantes de 31 instituições públicas e privadas, dos três estados integrantes do arco central, assim como da Bolívia, um dos países fronteiriços ao Mato Grosso do Sul.

O estudo, que compreendeu pesquisa de campo, entrevistas e a oficina de trabalho, foi liderado por Bolívar Pêgo, coordenador-geral de Estudos e Políticas Regionais, Urbanas e Ambientais do Ipea. Ele avalia o resultado do trabalho como uma importante ferramenta para a elaboração de novas políticas como forma de enfrentamento dos problemas identificados na região fronteiriça. “O estudo permitiu elaborar um mapeamento detalhado sobre os desafios e as fragilidades na região. É um documento de grande relevância e que será compartilhado com outros órgãos de governo, para contribuir com trabalhos futuros”, destaca.

O governo federal prepara o texto-base do Plano Nacional de Fronteira para a orientação de novas políticas públicas nessa área. O livro Fronteiras do Brasil: uma Avaliação do Arco Central será enviado ao MDR, como instituição parceira, bem como ao Ministério das Relações Exteriores e ao Gabinete de Segurança Institucional, membros do Programa de Proteção Integrada de Fronteira, dentre vários outros órgãos que trabalham com o tema.

O Ipea programou para o mês de maio de 2020 um seminário de apresentação do livro. A intenção é também apresentar, durante o evento, o quinto volume da série sobre as regiões fronteiriças do país, referente ao arco sul. A fase 1 da pesquisa está em processo de conclusão e conta com o apoio de instituições do governo federal, estados e municípios fronteiriços.

Acesse o livro Fronteiras do Brasil: uma Avaliação do Arco Central
Acesse o livro Fronteiras do Brasil: uma Avaliação de Política Pública
Acesse o livro Fronteiras do Brasil: Diagnóstico e Agenda de Pesquisa para Política Pública
Acesse o livro Fronteiras do Brasil: uma Avaliação do Arco Norte

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea