Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
21/06/2013 13:01

Panorama Ipea debate os gastos tributários em saúde

Veja o programa que recebeu Carlos Ocké do Ipea, e Filipe Gama, da Receita Federal

 

A renúncia fiscal em saúde (gasto tributário) – o imposto que o Estado deixa de recolher ao permitir que os contribuintes deduzam os gastos com planos e serviços privados de saúde – alcançou R$ 16 bilhões em 2011, equivalente a 22,5% dos R$ 70 bilhões direcionados pelo governo federal à Saúde Pública naquele ano. O dado foi divulgado na Nota Técnica - Mensuração dos Gastos Tributários: O Caso dos Planos de Saúde – 2003-2011. A pesquisa aponta que, nesta renúncia fiscal, destacam-se as deduções de valores pagos aos planos de saúde, que chegaram a R$ 7.7 bilhões.

E é sobre esse assunto que o Panorama Ipea debate nesta semana com o técnico do Ipea Carlos Ocké-Reis, um dos autores deste estudo, e o auditor fiscal da Receita Federal Filipe Nogueira da Gama. Acompanhe as gravações toda quarta-feira pelo Portal Ipea e participe ao vivo, enviando suas perguntas e comentários para nosso perfil no twitter: @ipeaonline.

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea