Livro: "Conferências Nacionais - atores, dinâmicas participativas e efetividade"

19/09/2013

Por meio de uma parceria entre pesquisadores do Ipea com diferentes instituições e universidades, tais como UFMG, Uerj, Iesp e Unb, foi publicado recentemente o livro Conferências Nacionais - atores, dinâmicas participativas e efetividade. O lançamento acontecerá na Anpocs (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais) , entre os dias 23 e 27 de setembro.

A descrição das conferências, os objetivos, o papel inclusivo nas políticas públicas, a criação de uma agenda, o desenho institucional e as perspectivas dos gestores federais são alguns dos temas elencados na publicação.

Ao perceber a lacuna de informações sobre processos participativos, pesquisadores da equipe da Diretoria de Estado, Instituições e Democracia (Diest) iniciaram, em 2011, um projeto de pesquisa sobre conferências a partir de um esforço de coleta e sistematização de dados, já disponibilizados no site Participação em Foco, como lembra o presidente do Ipea, Marcelo Neri, na introdução do livro. “O intuito é contribuir para o aperfeiçoamento destes importantes processos de ampliação da participação social no ciclo de políticas públicas no Brasil”, afirma.

O estudo está dividido em três partes:

I) Caracterização e dinâmica das conferências nacionais;

II) Perfil dos participantes de conferências nacionais; e

III) Efetividade das conferências nas políticas do governo federal.

“As contribuições advindas de estudos como os apresentados neste livro incidirão sobre os esforços do governo federal para o fortalecimento da democracia e dos espaços de cidadania ativa”, afirma o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho

Ele ressalta que as conferências são um dos mecanismos participativos mais importantes do país, ao permitir o diálogo entre atores da sociedade civil, governos municipais, estaduais e federal. Além disso, observa que os instrumentos de gestão participativa permitem a divulgação do conhecimento e planejamento das políticas públicas, que, cada vez mais, deixam de ser um assunto reservado a especialistas e tornam-se patrimônio de toda a sociedade.

 

Leia o livro:

 livroconferenciasnacionais