SUS: o maior comprador de medicamentos do país

SUS: o maior comprador de medicamentos do país

Radar nº 52 - Agosto de 2017

No Brasil, desde meados dos anos 2000, percebe-se uma maior institucionalização do papel da saúde na agenda governamental. Há uma fragilidade estrutural na indústria farmacêutica brasileira, que reforça a dependência das importações e o déficit crescente na balança comercial. Neste contexto, em 2012, um dos objetivos do Programa para o Desenvolvimento do Complexo Industrial da Saúde - Procis foi fortalecer as Parcerias para o Desenvolvimento Produtivo – PDPs. As PDPs são um mecanismo de política industrial que envolve uma série de contrapartidas para que sejam realizadas as compras públicas de fármacos, medicamentos e equipamentos para o Sistema Único de Saúde - SUS. Dessa forma, promove-se a internalização da produção e a transferência de tecnologia para um produtor nacional. A execução das PDPs ocorre em quatro fases, a partir da publicação da lista de produtos estratégicos para o SUS. Com tal iniciativa, cria-se um gigantesco mercado consumidor, que pode ser empregado inclusive em prol do desenvolvimento tecnológico nacional, dado que SUS é o maior comprador de fármacos e medicamentos existente hoje no país.

Palavras-chave: SUS, saúde, Parcerias para o Desenvolvimento Produtivo (PDP).

Autora: Pollyana C. Varrichio

   
icon pdf Acesse o artigo completo em PDF
icon pdf Acesse os gráficos em EXCEL