Mesorregiões/Culturas Líderes Versus Oferta de Mão de Obra Específica

Mesorregiões/Culturas Líderes Versus Oferta de Mão de Obra Específica

Radar nº 47 - Novembro de 2016

Este trabalho procura dar seguimento a três avaliações anteriores (Freitas e Maciente; 2015, 2016a, 2016b) e pretende somar-se a estes trabalhos para melhor compreender a disposição geográfica da demanda e da oferta de profissionais de nível técnico e superior para as culturas agrícolas e regiões geográficas anteriormente aferidas.

No estudo anterior, Mesorregiões brasileiras com expansão de área agrícola, rastrearam-se as mesorregiões com maior ritmo de expansão de área agrícola. Destarte, entre 1994 e 2013, a expansão de área destinada à colheita no Brasil foi da ordem de 1,76% ao ano (a.a.). Tal número foi marcado pela expansão agrícola no sentido Centro-Noroeste. Entre os principais polos de crescimento, devem ser destacados os trechos orientais da região Norte em associação com as mesorregiões de Oriental do Tocantins, Sul Maranhense e Extremo Oeste Baiano. Igualmente, é relevante o movimento de ocupação de novas áreas ao sul da região Norte em transição com as mesorregiões do norte mato-grossense e nordeste mato-grossense.

Autores: Rogério Edivaldo Freitas e Aguinaldo Nogueira Maciente

   
icon pdf Acesse o artigo completo em PDF