Produtividade do Trabalho e Rigidez Estrutural no Brasil nos Anos 2000

Produtividade do Trabalho e Rigidez Estrutural no Brasil nos Anos 2000

Radar nº 28 - Agosto de 2013

O baixo crescimento da produtividade é um dos principais fatores a explicar o fraco desempenho econômico da América Latina de modo geral e do Brasil, em particular, nas últimas décadas. Um dos fatos estilizados sobre o qual há pouca discordância no Brasil é o baixo crescimento da produtividade agregada, seja ela a do trabalho ou a produtividade total dos fatores (PTF), nos últimos vinte ou trinta anos.

Apesar de alguns autores apontarem para uma aceleração do crescimento da produtividade total dos fatores no início dos anos 2000, em comparação à década anterior, em termos históricos, este crescimento é muito pouco expressivo. Além disso, após a crise de 2008, observa-se novamente uma estagnação no crescimento da PTF na economia brasileira (Bonelli e Bacha, 2013; Ellery, 2013).

Autores: Gabriel Coelho Squeff e Fernanda De Negri

   
icon pdf Acesse o artigo completo em PDF