Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1409 - Avaliando a Condição da Política Fiscal no Brasil

Mário Jorge Mendonça, Luis Alberto Medrano e Adolfo Sachsida / Rio de Janeiro, março de 2009

Este artigo estima o estado da política fiscal no Brasil desde 1997, com base na metodologia de previsão condicional (DOAN; LITTERMAN; SIMS, 1984; WAGGONER; ZHA, 1999). Este indicador é medido pela diferença dos valores preditos para o hiato do produto quando condicionado aos valores observados e de equilíbrio estacionário dos instrumentos de política fiscal - carga tributária líquida e gastos correntes do governo. Nossos resultados indicam que a condição fiscal foi neutra de 2004 a 2006, porém expansiva em 2007. Não se observou evidência estatística de que a política fiscal tem exercido pressão sobre a inflação; contudo, há evidência de que a condição fiscal tem afetado negativamente o produto da economia.

This article estimates the stance of fiscal policy using the framework of conditional forecasting to evaluate the stance in Brazil since 1997. This indicator is measured as the deviation of forecast of the output gap conditional to the observed values and steady-state values of the instruments of fiscal policy-the current government spending and the net tax. Our results indicate that fiscal stance has been neutral since 2004 but expansionary after 2007. There is no statistical evidence that fiscal policy is putting pressure on the inflation but there does exist statistical evidence that it has negatively affected the output gap.
 


acesseAcesse o documento (196.97 Kb)              

 

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea