Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1367 - Custos de Funcionamento das Unidades Federativas Brasileiras e suas Implicações sobre a Criação de Novos Estados

Rogério Boueri / Rio de Janeiro, dezembro de 2008

Este trabalho procurou estimar os custos em termos de gastos públicos estaduais da formação de novos estados na federação brasileira. As estimativas apontam para um valor de R$ 832 milhões anuais, associados apenas ao custo fixo de manutenção de um estado no Brasil. Foi também estimado que cada habitante acresce R$ 564,69 ao gasto público estadual e que cada real produzido em um estado requer um aumento de 7,5 centavos de real em termos de gasto público estadual. A área territorial dos estados e o número de municípios neles contidos não apresentaram correlação significativa com os gastos públicos estaduais.

This paper tried to evaluate the increasing of the federative public spending associated with the creation of a new State within the Brazilian Federation. The estimates pointed out that each new State increases the federative expenditure by R$ 832 millions. It was also estimated that Brazilian States expend, in average, R$ 564,69 with each citizen and that each Real produced in an Brazilian State requires a State expenditure of 7,5 cents of Real. It was also found that the State?s area and the number of municipalities contained in a State do not show any correlation with the State expenditure.

 


acesseAcesse o documento (283.14 Kb)       

   

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea