Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
topo td_antigos

TD 0924 - Parcerias Público-Privadas do Plano Plurianual: Proposta de Um Conceito

Ricardo Pereira Soares e Carlos Álvares da Silva Campos Neto / Brasília, dezembro de 2002

O presente trabalho mostra que as Parcerias Público-Privadas (PPP) ganharam expressiva participação no Plano Plurianual (PPA) de 2000 a 2003. Os parceiros privados deverão participar com mais de 28% do investimento previsto no Plano. Este estudo comenta que o conceito de parceria adotado pelo PPA não estaria adequado, pois foi definido a partir de uma única exigência: a alocação de recursos financeiros pelo setor privado.

Nesse contexto, o objetivo principal deste estudo é propor um conceito de PPP, voltado para empreendimentos que proporcionam retorno econômico. O conceito proposto baseia-se na identificação das características essenciais e econômicas às quais esse tipo de associação deve atender. Foi analisado se as 283 ações que no PPA estão previstas para serem executadas por meio de parcerias satisfazem as características propostas. O resultado mostrou que somente 114 ações atendem às características de PPP. Aparentemente, isso ocorre pelo desgaste do termo parceria, que tem sido empregado sem uma caracterização bem definida, o que contribui para diminuir a transparência do Plano. Constatou-se, adicionalmente, que a maioria das ações não atendeu à característica econômica que prevê retorno financeiro para o Estado. Essa é uma questão relevante, que merece ser mais bem considerada nos novos empreendimentos em associação com a iniciativa privada.

 

acesseAcesse o documento (178.41 Kb)           

 

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea