Twitter
Youtube
facebook
LinkedIn
Google +

 

05/07/2018 13:41

Greve dos caminhoneiros e cenário externo impactam a estimativa de crescimento para o Brasil

Grupo de Conjuntura do Ipea estima em mais de 13% a perda da produção industrial no mês de maio, durante as paralisações

 

A previsão para o crescimento do produto interno bruto (PIB) - o conjunto das riquezas do país - foi reduzida de 3% para 1,7% em 2018 É o que estima a seção Visão Geral da Carta de Conjuntura nº 39 do Ipea, divulgada no dia 28 de junho, em coletiva de imprensa no Rio de Janeiro.

Para o diretor de Estudos e Políticas Macroeconômicas do Ipea, José Ronaldo de Castro Souza Júnior, a redução da projeção do crescimento já era esperada tanto pelo mau desempenho do cenário internacional, quanto pela guerra comercial desencadeada pelos EUA e, no cenário interno, pela greve dos caminhoneiros. “A média do trimestre foi afetada, o que impacta, de forma geral, a estimativa de crescimento para o restante do ano”, explica.

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea