Twitter
Youtube
facebook
LinkedIn
Google +

 

td-banner

TD 2374 - Base de Dados Sobre Conferências Nacionais e um Ensaio de Análise Lexical por Contexto

Daniel Pitangueira de Avelino e Letícia Volpi Goulin , Brasília, março de 2018 


Tratando de um dos mecanismos de participação social mais conhecidos na democracia brasileira recente, este trabalho tem a pretensão de oferecer uma proposta tipológica para as conferências nacionais, ao considerar o conceito ampliado estabelecido pelo Decreto no 8.243, de 23 de maio de 2014 (Brasil, 2014), e as características ex post dos processos conferenciais. Por conseguinte, buscou-se ampliar e atualizar as bases já hospedadas pelo Ipea, estendendo-se a sistematização de dados das conferências nacionais até 2016 e, também, oferecendo-se uma relação das propostas aprovadas nas conferências ocorridas entre 2011 e 2016. O processo de coleta de dados reuniu um acervo documental de 154 conferências realizadas desde 1941 até 2016, além da sistematização das resoluções aprovadas nas conferências que ocorreram nos últimos cinco anos. Entre o total de 42 conferências realizadas nesse período, foram sistematizadas 5.369 resoluções aprovadas de 28 conferências nacionais. O conjunto textual foi submetido a análise pela ferramenta Interface em R para as Análises Multidimensionais de Textos e de Questionários (IRAMuTeQ – em francês, Interface de R pour les Analyses Multidimensionalles de Textes et de Questionnaires), segundo o método Análise Lexical por Contexto de um Conjunto de Segmentos de Texto (Alceste – Analyse Lexicale par Contexte d’un Ensemble de Segment de Texte). Em rápida síntese, foi possível observar que há cinco grandes mundos lexicais organizados em torno das conferências nacionais, cada um com características próprias. Além disso, foi possível observar que o posicionamento de uma conferência nesse mapa de classes pode variar de uma edição a outra, e esse deslocamento lexical pode ocorrer de diversas maneiras. A formulação de algumas hipóteses – sobre deslocamentos lexicais e territorialidade pressuposta – para pesquisas futuras também foi possível a partir dessa análise. Por essas e outras razões, a disponibilidade de dados, de forma pública e acessível, pode ser um estímulo à realização de estudos sobre esse fenômeno, ou, pelo menos, um fator de diminuição de custos e esforços envolvidos nessa coleta de dados.

Palavras-chave: conferências nacionais; bases de dados; análise lexical; participação social.

Regarding one of the most renowned mechanisms of social participation in the recent Brazilian democracy, this paper aims to offer a typological proposal for national conferences, considering the broadened definition established by the Decree no 8243/2014 and ex post aspects of conferential processes. Thus, databases hosted by Ipea were updated and expanded, reaching the conferences held until 2016 and its approved resolutions from 2011 to 2016. This data collecting process put together a documental collection of 154 national conferences realized from 1941 to 2016, besides a database of 5,369 resolutions approved in 28 of the 42 conferences finished in the past five years. This table was submitted to a lexical analysis through the IRAMuTeQ software, according to the ALCESTE method. Briefly, five lexical worlds were observed, each holding its own characteristics. Also, the position of a specific conference in the class map can change between its editions, and this lexical displacement can occur under different ways. Some hypotheses – about lexical displacement and implicit territoriality – could be raised for further research, after this analysis. Thus, the availability of data, in a public and accessible way, may be a stimulus to the development of studies about this phenomenon or, at least, a factor for reduction of costs and efforts involved in this data collection.

Keywords: national conferences; databases; lexical analysis; social participation.

 

  acesseAcesse o sumário executivo  acesseAcesse o documento (12MB)

 

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea