Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
td-banner

TD 2332 - Fundos de Investimentos de 2003 a 2015: proxy de lucro e análise da composição da carteira por segmento de investidor, classe de fundos e categoria de ativos

Adriana Nunes Ferreira, Rio de Janeiro, setembro de 2017  

Os fundos de investimentos são instituições fundamentais para a compreensão da dinâmica da riqueza financeira de um país, e uma peça essencial para examinar a interação entre os donos desta riqueza e a gestão da política macroeconômica. Este texto tem três objetivos fundamentais. Em primeiro lugar, busca-se uma proxy de lucro do setor de fundos de investimento para a análise de sua evolução no Brasil, no período de 2003 a 2015. A primeira tarefa é de conceituação, e a segunda, de mensuração sob os vários recortes possíveis, dada a disponibilidade de dados. Em segundo lugar, busca-se investigar como se moveu a riqueza gerida pelo setor em três recortes distintos: classe de fundos, tipo de ativos e segmento de investidor. Por fim, analisam-se as mudanças das carteiras administradas pelas cinco maiores gestoras de fundos, que, juntas, eram responsáveis, em dezembro de 2015, pela administração de 70% do patrimônio líquido total dos seguintes fundos de investimentos: Banco do Brasil-Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários S.A. (BB-DTVM), Bradesco Asset Management (Bram), Caixa, Itaú e Santander.

Palavras-chave: investidores institucionais; fundos de investimento; lucro.

Investment funds are key institutions for understanding the dynamics of a country’s financial wealth and for analysing the interaction between wealth owners and the macroeconomic policy management. This text has three fundamental objectives: firstly, it seeks to construct a profit proxy of the investment fund industry for the analysis of its evolution in Brazil, from 2003 to 2015. The first task is to conceptualize it, the second is its measurement under the various possible cuts, given the availability of data. Secondly, it seek to analyse how the wealth managed by the sector moved, under three distinct lenses: by class of funds, by type of assets and by segment of investor. Finally, the changes in the portfolios managed by the five largest fund managers – which in December 2015 were responsible for the management of 70% of the total net assets of the investment funds – BB-DTVM, BRAM (Bradesco Asset Manager), Caixa, Itaú and Santander are examined. The final section of the paper brings the main conclusions of the research.

Keywords: institucional investors; investment funds; profits.

 

 acesseAcesse o sumário executivo  acesseAcesse o documento (4 MB)

 

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea