Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
23/05/2017 08:36

Especialistas discutem o futuro do trabalho em evento no Ipea

4º Diálogo Nacional foi promovido pelo instituto em parceria com a Organização Internacional do Trabalho

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT) promoveram no dia 18 de maio, quinta-feira, o 4º Diálogo Nacional sobre o Futuro do Trabalho. O encontro, na unidade do Ipea no Rio de Janeiro, reuniu especialistas do instituto no assunto, além do diretor do Escritório da OIT no Brasil, Peter Poschen, pesquisadores de universidades, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e de outras instituições.

“O grande desafio é imaginar o futuro utilizando as estruturas que conhecemos hoje, no presente”, afirmou o coordenador de Trabalho e Renda do Ipea, Carlos Henrique Corseuil, que organizou o evento. Também participaram do debate a diretora-adjunta de Estudos e Políticas Sociais do Ipea, Enid Rocha, e os técnicos de planejamento e pesquisa André Campos e Roberto Pires.

A diretora de Estudos e Políticas Sociais, Lenita Turchi, abriu o 4º Diálogo Nacional ressaltou a relevância do tema, especialmente em um momento de crise. Em seguida, o diretor da OIT, Peter Poschen, explicou como a evolução da tecnologia e do comércio mundial gerou novas formas de produção, alterou a configuração da população ativa dos países e criou novos modelos de negócios. Segundo ele, a percepção dos jovens em relação ao trabalho também mudou, enquanto as fronteiras entre vida pessoal e trabalho estão menos evidentes. Poschen enfatizou que o desemprego atinge mais de 200 milhões de pessoas no mundo.

Entre os assuntos abordados, estavam as consequências do envelhecimento da população, pois ainda há muito preconceito em relação à presença dos mais velhos no mercado de trabalho. “O mundo está pouco preparado para lidar com envelhecimento populacional”, disse a professora da Faculdade de Economia da Universidade de São Paulo (USP) Maria Cristina Cacciamali.

A professora do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Valéria Pêro lembrou que o diferencial de rendimento das mulheres em relação ao dos homens, que vinha diminuindo, teve sua queda interrompida. Wasmália Bivar, presidente da Comissão Estatística das Nações Unidas e pesquisadora do IBGE falou dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, chamando a atenção para a sustentabilidade.

Os diálogos nacionais são uma iniciativa da OIT. Os Estados-membros da organização foram convidados a organizá-los. Os resultados dos debates serão encaminhados ao comitê de alto nível da agência sobre o futuro do trabalho e para a Conferência Internacional do Trabalho de 2019, ano em que a OIT comemorará seu centenário.

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea