Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
20/01/2017 13:58

Governo de Donald Trump pode gerar oportunidades para o Brasil

Diretor do Ipea aponta que a escalada protecionista dos EUA estimularia a China e países latino-americanos a verem o mercado brasileiro com atenção


A nova gestão norte-americana, sob o presidente republicano Donald Trump, pode trazer benefícios para o Brasil, especialmente na área de comércio exterior, aponta o embaixador e diretor de Estudos e Relações Econômicas e Políticas Internacionais do Ipea, Sergio Florencio. Segundo o embaixador, as transformações na política interna, externa e econômica dos Estados Unidos influenciarão o Brasil pelo fato de os EUA serem o segundo mais importante parceiro comercial brasileiro, atrás apenas da China, e terem 16% do estoque de investimentos externos em nosso país.

“Ao que tudo indica, a política do presidente Trump será de expansionismo fiscal, e isso vai gerar uma taxa maior do crescimento do PIB e, consequentemente, o crescimento de importações, o que poderá beneficiar o Brasil”, explica Florencio. Ele acrescenta que essa elevação do PIB poderia gerar aumento no preço das commodities, o que seria positivo para a economia brasileira.

Ainda em relação ao comércio exterior, uma possibilidade levantada pelo embaixador é a de o Brasil se beneficie caso o protecionismo norte-americano leve outros países, entre eles o México, a deixarem de identificar oportunidades comerciais nos EUA. Concretizando-se o cenário de maior protecionismo nos Estados Unidos, o embaixador enxerga também um estímulo para que a China aproxime-se mais dos mercados latino-americanos.

Imigração
O Brasil não é a maior preocupação dos Estados Unidos em termos de imigrantes, se comparado ao México – há cerca de 12 milhões de mexicanos e descendentes vivendo nos EUA. “O que se espera a partir das declarações de Trump, tanto como candidato quanto depois de eleito, é que haja um endurecimento na política de imigração. E isso provavelmente tornará mais difícil a situação do contingente brasileiro que vive nos Estados Unidos”, indicou. Segundo o embaixador, o grande ponto de interrogação em relação ao presidente Trump é “se a retórica vai se tornar realidade”.

Confira a entrevista do diretor Sergio Florencio sobre a nova gestão Trump

 

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea