Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
23/11/2016 10:38

Radar IDHM é lançado pelo Ipea em parceria com o PNUD e a FJP

Assista às entrevistas com os pesquisadores que coordenaram o estudo

 

 

 

"Apesar da crise econômica do país, os indicadores socioeconômicos continuaram avançando de 2011 a 2014. Os indicadores de longevidade e educação avançaram a uma taxa de crescimento inferior ao período observado nos Censos (2000-2010), mas o de renda cresceu a uma taxa superior", apontou Marco Aurélio Costa, coordenador de Estudos Setoriais Urbanos do Ipea, durante o lançamento do Radar IDHM, nesta terça, dia 22.

A pesquisa foi realizada pelo Ipea em parceria com a Fundação João Pinheiro e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). A coordenadora do Atlas do Desenvolvimento Humano do PNUD, Andrea Bolzon, observou que nos últimos anos a educação no país melhorou, porém em um ritmo muito lento e preocupante. “Houve melhora, mas foi num ritmo muito lento e isso traz consequências importantes na produtividade do país para o mercado de trabalho” afirmou.

Leia mais: Desenvolvimento Humano no Brasil mantém trajetória de crescimento entre 2011 e 2014

Vídeo: Veja à íntegra do lançamento do Radar IDHM 

Vídeo: Coordenador comenta os resultados do Radar IDHM 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea