Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
05/07/2016 16:41

Ipea e Cepal mapeiam cadeias produtivas na América do Sul

Seminário nesta quarta-feira, em Brasília, teve apresentação inédita da matriz de insumo-produto da região

O resultado de uma iniciativa sem precedentes na América Latina foi apresentado nesta quarta-feira (06), durante o seminário Cadeias Produtivas na América do Sul, pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pela Comissão Econômica para América Latina e o Caribe, das Nações Unidas (Cepal). A pesquisa permite analisar as cadeias produtivas interconectadas de 10 países sul-americanos: Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Chile, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. A matriz regional possui 40 setores, tais como petróleo e mineração; química e farmácia; agricultura, silvicultura, caça e pesca; comércio; serviços de transporte; eletricidade, água e gás.

O projeto é uma parceria entre Ipea e Cepal, com recursos da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). A mesa de abertura do evento contou com as participações do presidente do Ipea, Ernesto Lozardo; do diretor da Cepal no Brasil, Carlos Mussi; do presidente da ABDI, Luiz Augusto de Souza Ferreira; do economista do BID José Luiz Rossi; e do economista principal da CAF, Oswaldo Lopez.

Alcance regional

Renato Baumann, coordenador do projeto e técnico de planejamento e pesquisa do Ipea, explica que existe uma percepção de que as cadeias de valor passarão a ser gradualmente mais de nível regional, em função de diversos fatores, entre eles as novas tecnologias de produção. “A América Latina participa pouco das cadeias globais – no caso do Brasil, basicamente como fornecedor de matérias-primas. Há evidência de que complementaridade produtiva tem sido um elemento importante como fonte de competitividade industrial, e é hora de se pensar em criar cadeias produtivas na América do Sul.”

O seminário teve lugar na sede do Ipea, em Brasília (Auditório Divonzir Gusso – Setor Bancário Sul, Quadra 1, Bloco J, Edifício BNDES/Ipea, subsolo).

Acesse o documento “La Matriz de Insumo-Producto de América del Sur” (em espanhol)

Faça o download das planilhas em Excel

Matriz da Argentina (em espanhol)

Matriz da Bolívia (em espanhol)

Matriz do Brasil (em espanhol)


Matriz do Chile (em espanhol)


Matriz da Colômbia (em espanhol)

Matriz do Equador (em espanhol)


Matriz do Paraguai (em espanhol)


Matriz do Peru (em espanhol)


Matriz do Uruguai (em espanhol)


Matriz da Venezuela (em espanhol)


Matriz Sul-americana (em espanhol)

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea