Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick
17/06/2014 00:00

Panorama Ipea discute a imigração de mão de obra qualificada


 

Rosane Mendonça, da SAE, e Mariana Pimentel, da EMDOC, foram as convidadas para o debate

 

Segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o número de autorizações de trabalho permanente para estrangeiros no Brasil tem crescido gradativamente. No primeiro trimestre do ano passado, foram concedidas 698 autorizações desse tipo. Já nos três primeiros meses de 2014, o número foi 12% maior, com 783 permissões. A maioria dos imigrantes que chegam com autorizações permanentes de trabalho vem da Itália, do Japão e de Portugal. São Paulo é o estado que mais recebe os estrangeiros, depois Rio de Janeiro e Ceará. Dos que chegaram ao Brasil, somente no ano passado, quase 70% tinham escolaridade com nível superior completo. Mais de 12% possuiam mestrado ou doutorado.

Para conversar sobre o assunto, recebemos Rosane Mendonça, diretora da Secretaria de Assuntos Estratégicos, e Mariana Pimentel, consultora da EMDOC, uma empresa especializada em serviços de migração. Ambas estão envolvidas em uma pesquisa que estuda formas de incentivar a imigração de trabalhadores qualificados para o Brasil. Assista, pelo Portal Ipea, à gravação do programa, toda quarta-feira, à tarde, e participe enviando comentários e perguntas para nosso perfil no twitter: @ipeaonline.



 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea