Twitter
Youtube
facebook
LinkedIn
Slideshare

 

28/04/2014 10:33

topo nota_tecnica

Nota Técnica - 2014 - abril - Número 18 - Disoc

Sobre a comparação da taxa de desocupação na PNAD Contínua e na PME

Organizadores: Carlos Henrique Corseuil e Lauro Ramos

 

icon pdf Acesse o PDF (1 MB)      

No dia 17 de janeiro de 2014, o IBGE fez a divulgação dos primeiros resultados da sua mais nova pesquisa domiciliar: a PNAD contínua. Essa pesquisa tem frequência trimestral e uma amostra com cobertura nacional. Os dados divulgados cobrem o período entre o primeiro trimestre de 2012 (2012/1) e o segundo trimestre de 2013 (2013/2). Apesar de a PNAD contínua ter uma ampla abrangência multitemática (similar à da PNAD anual), foi feita a opção por divulgar um conjunto de indicadores mais restrito na área de trabalho. Mesmo com todas as etapas do processo de elaboração da PNAD contínua tendo sido discutidas de forma ampla, o assunto passou a repercutir em maiores proporções no momento em que vieram os primeiros números. E uma das dimensões mais explorada na mídia foi a diferença apontada entre os indicadores da PNAD contínua e os da PME, sobretudo aquela registrada na taxa de desocupação. O propósito desta nota é contribuir para o entendimento dessa última diferença.

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea