Twitter
Youtube
facebook
LinkedIn
Google +

 

04/12/2013 15:11

Técnico do Ipea conquista prêmio Haralambos Simeonidis

Com tese sobre o setor informal, Gabriel Lopes de Ulyssea é o 11º servidor da casa a vencer premiação oferecida pela ANPEC

Defendido na Universidade de Chicago, o trabalho Essays on the Informal Sector foi premiado com o Haralambos Simeonidis 2013 na categoria melhor tese de doutorado. O autor é Gabriel Lopes de Ulyssea, técnico de Planejamento e Pesquisa do Ipea desde 2004 e coordenador a área de Trabalho e Renda. Tendo como foco o mercado informal de trabalho, o estudo discorre sobre as decisões das empresas de se formalizarem ou não.

“Na pesquisa eu considero duas margens de informalidade: a decisão de formalizar ou não o negócio, que é ter CNPJ, e de formalizar por meio da assinatura da carteira dos trabalhadores”, explica Gabriel Ulyssea. Esses dois aspectos, ressalta o pesquisador, são levados em consideração na análise de políticas públicas. No entanto, ele alerta que nem sempre formalidade está diretamente associada a bem-estar econômico.

A tese analisa o comportamento em nível das empresas, mas permite que sejam agregados os resultados macroeconômicos. Assim, é possível analisar tanto os resultados macro quanto micro. Ulyssea também simula os efeitos de políticas de formalização sobre as empresas, tais como redução de custos de entrada no setor formal, reduções de imposto sobre a folha e aumento da fiscalização sobre firmas informais e formais que contratam trabalhadores sem carteira assinada.

Embora produzida nos Estados Unidos e orientada por professores norte-americanos, a tese de Ulyssea tem como foco a realidade do mercado brasileiro. No estudo, ele aponta que as alternativas possíveis para uma maior formalização seriam a redução dos custos e a fiscalização das firmas informais.

Durante o tempo de pesquisa, Gabriel precisou se afastar das funções de técnico do Instituto. Ele reconhece o importante papel que o Ipea teve nesse processo. “Eu sou muito grato ao Ipea por ter me permitido realizar o doutorado no exterior”, faz questão de ressaltar.

A premiação
O Prêmio Haralambos Simeonidis foi criado em 1982 e é oferecido pela Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia (ANPEC). A premiação cobre as categorias, livro, tese e artigo. O objetivo é o estímulo à reflexão e à produção em pesquisa econômica no Brasil. A entrega vai ocorrer na cerimônia de abertura do 41º Encontro Nacional de Economia da Anpec, no dia 10 de dezembro, em Foz do Iguaçu (PR).

11 pesquisadores do Ipea já ganharam o Prêmio Haralambos Simeonidis:


Tese
2013 - Gabriel Lopes de Ulyssea, Essays on the Informal Sector
2011 - Daniel Ricardo de Castro Cerqueira, Causas e Consequências do Crime no Brasil.
2009 - Carlos Henrique Leite Corseuil, Labour market dynamics under imperfect information.
1995 - Thompson de Almeida Andrade, Distributional Aspects of Public Utility Pricing with Reference to Brazil.
1991 - Lauro Roberto Albercht Ramos, A Distribuição de Rendimentos no Brasil: 1976/8.
1984 - Wilson Suzigan, Investiment in the Manufacturing in Brazil (1869/1939).

Artigo
2008 - Cláudio Ferraz e Frederico Finan, “Exposing corrupt politicians: the effects of Brazil's publicly released audits on electoral outcomes”.
1995 - Rosane Silva Pinto Mendonça; Ricardo Paes de Barros, "The Evolution of Welfare, Poverty and Inequality in Brazil Over the Last Three Decades: 1960-1990".
1994 - Octavio Antonio Fontes Tourinho, The Demand for Money in High Inflation Processes.
1988 - Regis Bonelli; Eustáquio Reis; Sandra Rios, Dívidas e Déficits: Projeções para o Médio Prazo.
1984 - Cláudio Monteiro Considera, Comportamento Oligopolista e Controle de Preços Industriais: O Caso do Gênero Meterial de Transporte (1969/1982).

Menções Honrosas
1985 - Gervásio Castro de Rezende, Interação entre Mercados de Trabalho e Razão entre Salários Rurais e Urbanos no Brasil.

Saiba mais sobre o vencedor do prêmio
Possui graduação em Economia pelo Instituto de Economia da UFRJ (2001), mestrado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2004) e é Ph.D. em economia pela Universidade de Chicago (2012). É técnico de Planejamento e Pesquisa do Ipea desde 2004 e atualmente coordena a área de Trabalho e Renda do Instituto.

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea