Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr

topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1713 - Diferencial de Salários Entre os Setores Público e Privado no Brasil: Um Modelo de Escolha Endógena
Ana Luiza Neves de Holanda Barbosa e Fernando de Holanda Barbosa Filho / Rio de Janeiro, fevereiro de 2012  

Este artigo investiga o diferencial de salários entre os trabalhadores dos setores público e privado no Brasil. A análise tem como base os microdados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), de 2009, conduzida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A principal contribuição deste estudo é a estimação de um modelo de regressão com mudança endógena (endogenous switching regression model), que corrige o viés de seleção no processo de escolha setorial realizada pelos trabalhadores e permite a identificação de fatores determinantes na entrada do trabalhador no mercado de trabalho do setor público. O diferencial salarial público-privado ainda é calculado por gênero, uma vez que a oferta de trabalho é bastante diferenciada entre homens e mulheres no Brasil. Os resultados deste trabalho demonstram que os salários do setor público são mais altos do que aqueles do setor privado no Brasil. Em particular, o diferencial públicoprivado entre mulheres é maior do que entre homens, quando o modelo não é controlado por características não observáveis dos trabalhadores. 

This study investigates the wage gap between the public and private sectors in Brazil. The analysis is carried out with 2009 microdata from the Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) and it takes account its complex sample design. The main contribution of this study is the estimation of a switching endogenous regression model that corrects the selection bias in the choice of employment sector. This model allows for the identification of some factors that determine the entrance of the individual in the public sector labor market. The public-private wage gap is calculated by gender as labor supply varies significantly between women and men. The results show that public sector wages are higher than those in the private sector. In particular, the public-private wage gap for women is higher than for men.


 acesse  Acesse o documento (1.31KB)           
Surplus Labor and Industrialization


 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea