Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

tips and trick

topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1674 - Levado pelos Fundamentos? Estimando o Desalinhamento Cambial Norte-Americano a partir de Técnicas de Cointegração
Emerson Fernandes Marçal e Priscila Fernandes Ribeiro / Rio de Janeiro, novembro de 2011

Este artigo tem como objetivo estimar a taxa de câmbio real de equilíbrio para a economia americana. O objetivo é determinar qual a taxa de câmbio real que implica estabilidade da posição passiva líquida externa entre residentes e não residentes, e logo evitaria o acúmulo de desequilíbrio que gerasse fortes alterações na taxa de câmbio num futuro próximo. Utiliza-se um modelo econométrico com cointegração. São usadas técnicas univariadas e multivariadas de séries de tempo. O modelo estimado sugere que a taxa de câmbio estava ligeiramente apreciada frente a uma cesta de moedas no final de 2010. A estimação do desalinhamento cambial é feita a partir da decomposição entre fatores transitórios e permanentes proposta por Gonzalo e Granger (1995).

This paper aims to estimate the equilibrium real exchange rate for the United States economy. The equilibrium exchange rate is defined as the level of exchange that guarantees that the net foreign asset position is stable over time. An econometric model is estimated using multivariate and univariate cointegration techniques. The results of the estimated model suggest that American currency was slightly overvalued when compared to weighted basket of foreign currencies at the end of 2010. The misalignment was estimated using the Gonzalo e Granger (1995) methodology to decompose the series in transitory and permanent components.


 acesse  Acesse o documento (1.14KB)           

Surplus Labor and Industrialization


 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea