Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr

topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1640 - Comércio e Serviços Mercantins no Brasil: Uma Análise de Sua Evolução Recente
Luis Claudio Kubota e Márcio Wohlers de Almeida / Brasília, julho de 2011

A crescente participação do setor de serviços observa-se tanto nos países desenvolvidos quanto na maioria dos países em desenvolvimento. No Brasil, os serviços correspondem a mais de 66% do valor adicionado na economia. Trata-se de um padrão próximo ao observado nos países mais ricos. A alta preponderância do setor no produto interno bruto (PIB) não é acompanhada por um desenvolvimento analítico que explique a complexidade do setor. O presente artigo, de natureza descritiva, procura trazer informações de modo a contribuir para o avanço do conhecimento nessa área. As estatísticas indicam que o fenômeno da queda recente da participação relativa da indústria na economia é mais agudo na União Europeia (UE) do que no Brasil. Por outro lado, a produtividade dos serviços é um problema no país, mas há setores cuja produtividade é semelhante ou superior ao que se observa na média da indústria. Finalmente, as estatísticas demonstram também que existe uma forte desigualdade regional na distribuição dos serviços no Brasil.

The growing share of the services sector is observed not only in developed countries, but also in many developing economies. In Brazil, services correspond to more than 66% of the valued added in the economy. It is a value close to that observed in richer nations. Notwithstanding, there are few economic studies about the services sector in Brazil, in the current descriptive article tries to bring some new information about the sector. The statistics show that the recent fall in the share of the industry is more pronounced in the European Union than in Brazil. On the other side, the productivity in the services sector is a problem in Brazil, but there are sector which productivity is similar or superior of that observed in the average of the industry. Finally, the statistics show that there is a strong regional inequality in the distribution of services in Brazil.


acesse  Acesse o documento (917KB)           

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea